1615464002vaello_post110321 11 DE MARÇO DE 2021
DIFERENÇAS ENTRE O AÇO POLIDO E O ESMALTADO

Já alguma vez se questionou sobre o tipo de material que é melhor para cozinhar uma paelha? Nós temos a resposta e queremos ajudá-lo na sua decisão: qualquer tipo de aço polido ou esmaltado é adequado para esse fim.

O aço polido é o material tradicional que todos nós conhecemos; aquele recipiente onde se cozinha a paelha aos domingos com a família. A nossa Paelheira Valenciana de aço polido, referência 03, é um exemplo claro. Estamos a falar de um produto de aço laminado a frio. Ideal para fogões a gás.

A chave para este material é a sua manutenção. Após cozinhada a paelha, o recipiente deve ser limpo e ficar bem seco; uma vez limpo com papel de cozinha, aplicar uma camada de óleo para evitar a oxidação. Isto fará com que a nossa paelheira dure mais. É um tipo de material que não é antiaderente, pelo que devemos controlar sempre a intensidade da chama e o óleo.   

É importante ter em conta que o aço polido não pode ser utilizado na máquina de lavar louça, pois enferrujaria rapidamente, e nem no forno; além disso, estas paelheiras devem ser guardadas num local fresco e seco e, se possível, num saco de plástico.

Em suma, quanto mais evitarmos os locais húmidos, melhor. Além disso, trata-se de um tipo de material mais barato e mais fácil de encontrar.

Por outro lado, o aço esmaltado/vitrificado é um tipo de material que não enferruja, devido principalmente ao seu revestimento de esmalte. Naturalmente, é preciso ter muito cuidado ao transportar este tipo de paelheiras ou recipientes, porque qualquer pancada pode danificá-los. O exemplo perfeito para este tipo de paelheira é a nossa referência 02, a Paelheira Valenciana de aço esmaltado, um produto fabricado em aço laminado a frio e revestido com uma camada de esmalte antiácido.

A manutenção deste material é muito fácil: quando terminar de cozinhar é suficiente lavar a paelheira, e ficará preparada para ser utilizada novamente. Além disso, é adequado para o forno e máquina de lavar louça. Relativamente à aderência do material, é o mesmo que no caso do aço polido: não se trata de um material antiaderente, por isso é importante vigiar sempre a paelheira. De salientar que este tipo de material é cada vez mais vendido porque é muito mais fácil e confortável de manter do que o aço polido, embora o seu preço seja mais elevado. 

Existe uma diferença no sabor? Na verdade, não há nenhuma distinção. O sabor varia se a paelha for cozinhada em lume de lenha ou a gás, mas no caso do aço polido ou esmaltado este aspeto não é relevante. Neste caso o que é mesmo importante é o cozinheiro e as suas técnicas. 

No que se refere à cozedura do arroz, esta é exatamente a mesma; se seguirmos os passos corretamente e tivermos em conta todos os seus ingredientes, assim como a relação caldo/água, vamos obter uma paelha espetacular, seja utilizando aço polido ou aço esmaltado.

Então, o que é que realmente os diferencia? 

A diferença principal e a mais importante é a manutenção, e depois o preço.

O que é melhor, aço polido ou esmaltado? 

Não podemos afirmar que um é melhor do que o outro, porque ambos desempenham a mesma função, que é cozinhar uma paelha. Naturalmente, teremos de confiar no cozinheiro.